Noticias
Publicado : segunda-feira, 24 de agosto de 2015
09:36
Por Portal Campinas News

Hollande condecora passageiros que evitaram atentado em trem


Polícia investigativa francesa busca evidências em plataforma de trem em Arras, na França. Três pessoas foram feridas por um atirador no trem de alta velocidade entre Amsterdã e Paris

O presidente francês, François Hollande, condecorou hoje (24) com a Legião de Honra três passageiros norte-americanos e um britânico do comboio entre Amesterdã e Paris que, na sexta-feira (21), evitaram um atentado.

"Na sexta-feira à noite, um indivíduo tinha decidido cometer um atentado no Thalys [nome do comboio de alta velocidade que liga Amsterdã e Paris]. Ele tinha armas suficientes e munição para causar uma verdadeira carnificina. Era o que ele teria feito, se não o tivessem impedido, correndo todos os riscos, incluindo a própria vida", declarou François Hollande, durante a cerimônia de condecoração, no Palácio do Eliseu.

"Como testemunho do nosso reconhecimento, atribuo excepcionalmente a vocês a Legião de Honra, a mais alta distinção do Estado francês", afirmou o presidente ao entregar as medalhas.

A cerimônia ocorreu no terceiro dia da prisão preventiva do marroquino Ayub El Khazzani, que disse que não pretendia cometer qualquer ato terrorista.

Os investigadores das brigadas antiterroristas francesas continuam a interrogar o homem, de 25 anos, com o apoio dos serviços de informações de Espanha, França, Alemanha e Bélgica.

Khazzani negou qualquer ato terrorista e afirmou que pretendia roubar os passageiros do Thalys. Essa versão é questionada pelos investigadores e pelos passageiros norte-americanos. A prisão preventiva pode ser mantida até amanhã (5) à noite.

Os norte-americanos Spencer Stone, de 23 anos, Alek Skarlatos, de 22 - dois militares em férias - e o amigo Anthony Sadler, de 23, e o britânico Chris Norman, de 62, estão sendo considerados heróis.

A entrega da condecoração ocorreu na presença dos primeiros-ministros Charles Michel, da Bélgica, e Manuel Valls, da França, e de vários ministros do governo socialista, incluindo o do Interior, Bernard Cazaneuve.

Representantes da polícia e dos serviços de socorro médico também assistiram à cerimônia.

O chefe de Estado francês homenageou a "coragem e o sangue-frio" dos quatro homens, que "encarnam o bem da humanidade perante o mal que é o terrorismo".

O passageiro francês que tentou, desde o início, neutralizar o suspeito - um homem de 28 anos que trabalha para um banco francês em Amesterdã e que quer manter o anonimato - e um franco-norte-americano Mark Moogalian, de 51 anos, ferido a tiro durante o ataque, serão condecorados posteriormente. Moogalian continua hospitalizado em Lille (no Norte de França).

De acordo com o inquérito, o atacante entrou no comboio de alta velocidade, "na Bélgica, com armas, sem dúvida adquiridas na Bélgica, e tinha identificação obtida na Espanha".

Ele viveu sete anos na Espanha, entre 2007 e 2014, onde era conhecido por defender a jihad (guerra santa). De acordo com os serviços espanhóis de informação, o marroquino viajou da França para a Síria, o que ele negou.


Via EXAME

Portal Campinas News 09:36 ,

Portal Campinas News on 09:36 , . .

0 comentários for "Hollande condecora passageiros que evitaram atentado em trem"

Deixe um Comentário! Será um Prazer Ter a sua Interação Conosco!