Noticias
Publicado : quinta-feira, 23 de julho de 2015
14:52
Por Portal Campinas News

Indaiatuba adere e greve do INSS chega a 100% das agências da região

Agência do INSS de Indaiatuba aderiu à greve nacional netsa quinta (23) (Foto: Cristiano Machado / SinsPrev)
Agência do INSS de Indaiatuba aderiu à greve nacional netsa quinta (23) (Foto: Cristiano Machado / SinsPrev)

A greve do INSS chega a 100% das agências da região de Campinas (SP) com a adesão dos servidores de Indaiatuba (SP) nesta quinta-feira (23). A cidade era a única a receber os segurados para todos os serviços e quem procurou a unidade se surpreendeu com o aviso da paralisação. De acordo com o sindicato da categoria, cerca de 50% dos funcionários pararam os trabalhos.
"Essa greve é uma das maiores referentes à adesão. A nossa meta é 100% de greve porque isso favorece as negociações. Quanto mais gente na greve, mais a gente mostra pro governo a necessidade da nossa pauta", explica Cristiano Machado, membro da diretoria regional do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde e Previdência do Estado de SP (SinsPrev).


Agência do INSS de Indaiatuba tem funcionamento parcial por conta da greve (Foto: Cristiano Machado / SinsPrev)
Agência do INSS de Indaiatuba tem funcionamento
parcial (Foto: Cristiano Machado / SinsPrev)
O INSS não quis informar o número de beneficiários afetados por conta da greve na região de Campinas.
 
A unidade de Indaiatuba faz atendimento de perícias e as consultas agendadas estão sendo feitas. A greve nacional chega ao 17º dia e, nesse período, a cidade passou a receber segurados de outros municípios que já haviam aderido ao movimento, segundo Machado.
 
"Eles estavam recebendo pessoas de outras agências que estavam fechadas. Segurados de Campinas, por exemplo, o que é possível. Como a demanda aumentou consideravelmente, eles estavam limitando a quantidade de senhas entregues", explica.
 
Machado disse, ainda, que buscar atendimento em outra cidade só vale a pena se o beneficiário estiver precisando de informação ou protocolo de benefício. Para questões referentes ao pagamento e atualização de dados cadastrais, o segurado precisa comparecer na agência que mantém o benefício dele.

10 cidades 
Além de Indaiatuba, as demais cidades da região de Campinas que possuem unidades da previdência social são a metrópole, Sumaré (SP), Pedreira (SP), Valinhos (SP), Americana (SP), Mogi Mirim (SP), Itapira (SP), Mogi Guaçu (SP) e Hortolândia (SP).
 
Em todas elas os servidores aderiram à greve. Somente perícias agendadas estão sendo atendidas. No caso de Indaiatuba, o atendimento dos demais serviços é parcial nesta quinta.

Reagendamentos
 

Apesar do agendamento, alguns pacientes podem não ter o atendimento após a perícia por causa da falta de servidores nas unidades. Os segurados que precisarem de mais informações sobre as consultas e o funcionamento das agências podem ligar no 135.
 
O INSS orienta que os beneficiários que não sejam atendidos em razão da paralisação dos servidores terão a data de atendimento remarcada. O reagendamento será realizado pela própria unidade e o segurado poderá confirmar o novo dia ligando no 135 no dia seguinte à data originalmente marcada para o atendimento.
 
É importante mencionar na ligação que o reagendamento foi feito por causa da greve e o beneficiário deve guardar os comprovantes para eventuais consultas. Os prazos para entrega de documentos e exames, por exemplo, não têm validade durante o período de greve.
Pessoas com perícia agendada receberam atendimento no INSS em Campinas nesta quarta (10) (Foto: Priscilla Geremias)
Pessoas com perícia agendada recebem
atendimento no INSS (Foto: Priscilla Geremias)
Novos rumos nesta sexta

 Nesta sexta (24) haverá uma assembleia em São Paulo, às 15h, com os trabalhadores para apresentar as propostas feitas pelo governo até o momento: reajuste salarial de 21,3%, dividido em quatro anos, além de correções em benefícios como vale-alimentação e auxílio-creche.

"Não cobre as perdas da inflação. A reivindicação dos federais é de aumento de 27,3%, para todos os servidores. Com relação aos benefícios, não abrange a todas as categorias", afirma o sindicalista.
Os sindicato também reivindica concurso público e melhorias nas condições de trabalho. "Só dá pra voltar ao trabalho depois de uma negociação. Precisa ver como será feito o atendimento do serviço acumulado e a questão do ponto dos servidores", afirma Machado.

Via G1

Portal Campinas News 14:52 ,

Portal Campinas News on 14:52 , . .

0 comentários for "Indaiatuba adere e greve do INSS chega a 100% das agências da região"

Deixe um Comentário! Será um Prazer Ter a sua Interação Conosco!