Noticias
Publicado : segunda-feira, 21 de setembro de 2015
21:17
Por Portal Campinas News

Campinas mira projeção nacional e prevê alta no PIB a partir de Agropolo


Primeira reunião do Agropolo em Campinas (SP) (Foto: Lana Torres/ G1)

Com o discurso ambicioso de recolocar a cidade no cenário do agronegócio nacional, o Agropolo Campinas (SP) – composto da junção de institutos de pesquisa, gestores locais e estaduais e iniciativa privada – teve sua primeira reunião nesta segunda-feira (21). Além de projetar a produção de conhecimento que interfira no mercado agropecuário nacionalmente, a cidade do interior paulista também prevê reflexos do funcionamento do polo agrotecnológico no aumento da participação do setor no PIB local.

O prefeito Jonas Donizette (PSB) foi eleito presidente do Conselho do polo agrotecnológico ao lado do vice-governador de São Paulo, Márcio França; o reitor da Unicamp, José Tadeu Jorge; e o secretário estadual da Agricultura e Abastecimento, Arnaldo Jardim; que também compõem a mesa administrativa. Os nomes foram definidos nesta primeira reunião, que também determinou o nome do aglomerado e a logomarca, com Agropolo Campinas-Brasil, e aprovou o regimento interno e as diretrizes estratégicas.

“Nós estabelecemos hoje toda a diretriz de trabalho e as ações estratégicas do polo agrotecnológico para 2015 e 2016. A finalidade é usar a tecnologia na produção de alimentos para favorecer a produtividade na agricultura com respeito ao meio ambiente”, afirmou Donizette ao término da reunião no Salão Azul da Prefeitura.

Impactos econômicos
O presidente do conselho e prefeito também afirmou que o trabalho executado pelo Agropolo deverá interferir na economia local. “Todos os vetores da economia não estão indo bem. A Agricultura, diferentemente, vai bem. E, em Campinas, nós temos a questão do conhecimento que pode melhorar ainda mais”, relatou.

Sem citar números ou prazo, Donizette afirmou que já conta, por exemplo, com um aumento da fatia do setor de agronegócio no PIB da cidade de Campinas a partir das atividades do polo. “No passado, Campinas contribuía com a produção em si. Agora nós queremos contribuir com a produção do conhecimento agregado ao valor da agricultura. E eu acredito sim que isso terá um forte impacto no PIB da cidade”, afirmou.

O polo e a projeção nacional
O polo foi formalizado em 26 de junho, com a assinatura das entidades envolvidas no projeto. Além da Unicamp, o Agropolo conta com a participação do Instituto Agronômico de Campinas, da Embrapa, de empresas do setor de agronegócio e do Agropolis Internacional da cidade de Montpellier, na França, que inspirou o projeto.

"A reunião de hoje foi histórica.[..] Se encaixa naquilo que é uma prioridade nossa em termos de São Paulo. São Paulo não é mais o centro da produção agropecuária do Brasil. Houve um período que foi. Mas nós queremos que São Paulo seja o centro da produção do conhecimento do setor agropecuário.[..] E acho que a partir de hoje o Agropolo de Campinas vai ter essa liderança", disse o secretário de Estado de Agricultura e Abastecimento, Arnaldo Jardim.


Via G1

Portal Campinas News 21:17 ,

Portal Campinas News on 21:17 , . .

0 comentários for "Campinas mira projeção nacional e prevê alta no PIB a partir de Agropolo"

Deixe um Comentário! Será um Prazer Ter a sua Interação Conosco!