Noticias
Publicado : quinta-feira, 16 de julho de 2015
09:59
Por Portal Campinas News

Agência avalia até a próxima semana pedido de reajuste d'água da Sanasa

A Agência Reguladora de Saneamento das Bacias PCJ (Ares-PCJ) confirmou ao G1 nesta quarta-feira (15) que avalia um pedido de reajuste extraordinário feito pela Sanasa e define, até semana que vem, se a conta de água vai subir em Campinas (SP). A nova solicitação ocorre cinco meses após o aumento de 11,9% - índice acima da inflação - aplicado aos consumidores.


Em geral, o reajuste é feito anualmente, entretanto, a Ares considera que há uma motivação especial este ano por causa do aumento da energia elétrica, além das campanhas para redução de consumo por causa da crise hídrica, e já autorizou mudanças tarifárias fora do calendário para as cidades de Piracicaba e Jundiaí.
A resolução 20 da Ares define que os responsáveis por fazer a solicitação de reajuste tarifário são as empresas de saneamento. Contudo, se houver aumento, o índice é definido pela agência e passa a valer 30 dias após a publicação. Para fazer o pedido, a Sanasa teve de enviar documentos com informações financeiras da empresa.


De acordo com informações da agência, atualizadas em 3 de julho, Campinas já tem, entre as 42 cidades associadas à Ares, o maior valor por m³ de água (R$ 5,03) para consumo mínimo na categoria residencial - sem levar em conta a tarifa social. Procurada pelo G1, a assessoria de imprensa da Sanasa preferiu não comentar o novo pedido de reajuste.


Reajuste de 11,9%
 

Na época do reajuste de 11,9%, a Sanasa justificou que precisava minimizar os efeitos da crise hídrica, como a queda no consumo e o aumento o uso de produtos químicos necessários para o tratamento da água de qualidade inferior, captada no Rio Atibaia - então com vazões muito baixas.
 
Segundo a assessoria de imprensa da Sanasa  informou à época, que haviam sido  gastos R$ 11,4 milhões a mais no tratamento da água no ano passado em relação a 2013.
 
Outro motivo alegado foi a necessidade de manter "o equilíbrio financeiro" da empresa, que havia fechado o ano de 2014 com um prejuízo de R$ 18,7 milhões. Na oportunidade, o reajuste foi aplicado em todas as faixas de consumo, exceto nas categorias "Residencial Social" e "Residencial com Ligação Coletiva".


Via G1

Portal Campinas News 09:59 , ,

Portal Campinas News on 09:59 , , . .

0 comentários for "Agência avalia até a próxima semana pedido de reajuste d'água da Sanasa"

Deixe um Comentário! Será um Prazer Ter a sua Interação Conosco!